ARQUIVO.

quarta-feira, 20 de junho de 2018

Xuxa, Vinny e Feiticeira faziam algumas coisas que não gostavam.

Todos os artistas são desinibidos e tem orgulho de suas obras, certo?
Nem todos, ao menos nem de tudo.
Xuxa, Vinny e Joana Prado já deram declarações sobre o que não gostavam de fazer no ápice do sucesso.

segunda-feira, 18 de junho de 2018

Pújá.

Pújá é uma das partes de uma prática completa de Yôga.
O vídeo está em castellano, mas estou seguro de que entenderás tudo.

sexta-feira, 15 de junho de 2018

Como surgiu a festa junina.


As festas juninas celebradas de norte a sul do Brasil são mais uma das heranças culturais da Europa, com um teor fortemente religioso, pois as mesmas coincidem com as celebrações de 4 santos, Santo Antonio, São João, São Pedro e São Paulo, respectivamente nos dias 13, 24 e 29, todos em junho.

As cidades do Norte e Nordeste do Brasil se destacam neste festejo, O São João de Caruaru (Pernambuco), por exemplo, está consolidado no Guinness Book como a maior festa regional ao ar livre do mundo, e Campina Grande (Paraíba) realiza a festa intitulada "O Maior São João do Mundo".
As roupas utilizadas nas danças e até os instrumentos muito característicos usados para fazer as músicas dessas festas, como o cavaquinho, a sanfona, o triângulo e o reco-reco, foram trazidos ao Brasil pelos povoadores e imigrantes de Portugal.
Houve uma adaptação no nome da festa. Conhecemos como junina, mas inicialmente era joanina, de São João. Aliás, se você já ouviu a história de que a fogueira tem relação com o nascimento de João Batista, desacredite. Esta lenda católica afirma que o antigo costume de acender fogueiras no começo do verão europeu tinha suas raízes num acordo feito pelas primas Maria e Isabel. Para avisar Maria sobre o nascimento de São João Batista e, assim ter seu auxílio após o parto, Isabel teria de acender uma fogueira sobre um monte.
As celebrações de junho, incluindo as tradicionais fogueiras faziam parte de uma festa de bruxas.

A Wicca é considerada a religião mais antiga do mundo. É uma veneração a elementos sobrenaturais, assim como físicos, em interação com a natureza.
Existem teorias a respeito das bruxas e bruxos caçados durante a Idade Média de que não eram, como alegavam seus perseguidores cristãos, adeptos do Satanismo, mas simpatizantes desta religião.

As fogueiras fazem parte dessa antiga tradição de celebrar o solstício de verão. Verão no hemisfério norte. Ou seja, acender uma enorme fogueira é uma forma de celebrar o dia mais longo do ano, que coincide com o início do inverno no hemisfério sul.

É uma combinação escaldante, fogo e calor.

A quadrilha é uma contradança de origem holandesa com influência portuguesa, do arquipélago dos Açores, e também inglesa, que teve seu apogeu no século XVIII na França, onde recebeu o nome de “cachorreira", tornando-se popular nos salões aristocráticos e burgueses do século XVIII em todo o mundo ocidental.

No Brasil, a quadrilha foi originalmente chamada de "Quadrilha de Arraiais", e era parte das comemorações chamadas de festas juninas. Um animador vai pronunciando instruções coreográficas enquanto os demais participantes, geralmente em casais, realizam os movimentos correspondentes.

Os balões serviam para avisar que a festa iria começar. Eram soltos de cinco a sete balões para indicar o início da festança. Os balões, no entanto, estão atualmente proibidos por lei em muitos locais, como no Brasil, devido ao risco de incêndio e mortes.

Os Fogos de artifício estão relacionados com a fogueira, ou seja, é uma manifestação do fogo. E além dos fogos de artifícios, os espetáculos pirotécnicos tornaram-se uma parte essencial da festa na Região Nordeste do Brasil e em Portugal.
Outra coisa que é comum nesta época do ano são as bombinhas, aquelas que explodem ao serem jogadas no chão.

O mastro de São João conhecido em Portugal também como o mastro dos Santos Populares, erguido durante a festa junina para celebrar os três santos ligados a essa festa também tem origem na tradição Wicca. No entanto, o mastro é erguido em maio e chamado também de a árvore de maio.

Assista o vídeo aqui.

Festa Junina - histórico.

As tradicionais festas juninas preservam as principais características das festas pagãs ao solstício, cujos significados a igreja distorceu.

segunda-feira, 11 de junho de 2018

Dicotomia.


A relação competitiva entre os artistas sempre foi muito difundida pelas revistas e programas de fofocas. Mas o quanto disso era verdade, você tem ideia?

Existe uma palavra, dicotomia, que define a divisão entre elementos, como o lado claro e o lado escuro de um planeta. E existe a falsa dicotomia, que é uma falácia, uma forma de justificar um ponto de vista de um mesmo objeto ou situação, descartando o outro que não interessa. Por exemplo, amigo e inimigo, bem e mal.

É nesse aspecto que nós pecamos muito porque mantemos uma postura infantil em relação a muita coisa. Abordei essa questão no vídeo "5 Coisas Sobre" desta semana, mais precisamente, sobre a inimizade propagada pelos meios de comunicação que querem vender notícias, mesmo que sejam falsas.

Penso que esse posicionamento é infantil porque alimentar inimizade, na minha opinião, deveria ficar apenas entre os personagens dos desenhos animados. E, tudo bem, entre os personagens das novelas, filmes e séries. Mas na vida real isso é imaturo sim, além de fazer com que as pessoas vivam em função daquela por quem têm desafeto.

Pense, que horrível é se privar de ir a um lugar porque o fulano de tal, seu inimigo, estará lá. Ou deixar de comprar uma coisa legal porque esse mesmo fulano tem uma igual.

Os artistas se valem desse artifício para chamar a atenção, para criar uma personagem, mas geralmente na vida real eles preservam uma boa relação. Como exemplo disso eu abordei alguns casos famosos, veja o vídeo. E assim como eles, devemos aprender a separar as coisas, viver sem amarras e levar a vida de forma mais light. Nada de inimizades.

sexta-feira, 8 de junho de 2018

Banda Calypso.

A  Banda  Calypso  foi  formada  em  Belém  do  Pará,  no  ano  de  1999,  pela  cantora  Joelma  Mendes  e  pelo  guitarrista  e  produtor  Cledivan  Almeida  Farias,  mais  conhecido  como  Chimbinha.

No  início  a  divulgação  do  trabalho  se  limitava  às  regiões  Norte  e  Nordeste  do  Brasil,  mas  não  demorou  muito  para  desfrutar  do  sucesso  em  nível  nacional  e  depois  internacional.  Já  existia  um  ritmo  chamado  calipso,  que  é  uma  mistura  de  lambada, merengue, cúmbia e zouk, entre outros, que recebeu influência das características do estado do Pará. Aliás, no Pará, uma das características musicais do local é o brega, além do carimbó que faz parte do folclore brasileiro.

Chimbinha nasceu em Belém, no Pará. Começou a tocar guitarra aos 12 anos, sendo influenciado por artistas de sua terra. E junto com eles, reinventou o ritmo calipso. Aos 18 anos já era o produtor musical mais conhecido de Belém.

Joelma nasceu em Almeirim, no Pará. Começou a cantar em bares de sua cidade aos 19 anos. Ficou conhecida depois de participar da Feira de Arte e Cultura da cidade. Ela cantou por seis anos na banda Fazendo Arte, até que decidiu gravar seu primeiro CD solo. E aqui começa a história da Banda Calypso.

Apesar de Joelma e Chimbinha terem sido os grandes representantes da banda Calypso, havia outro vocalista no começo de tudo, o Dinho Dantas que integrou a banda nos primeiros álbuns. Chimbinha disse que quando conheceu Joelma, ela queria muito gravar um cd solo e que já tinha o repertório e o dinheiro. No entanto, o dinheiro não era suficiente, mas ele gostou muito dela e resolveu propor uma parceria. Joelma disse que a proposta lhe caiu muito bem, porque depois de gravar o cd ela não tinha ideia do que fazer. Nasceu assim a Banda Calypso.

O primeiro álbum foi lançado em 1999 e mesmo Chimbinha sendo um artista influente na música paraense, nenhuma produtora aceitou distribuir o CD da nova banda. Depois de muito tentar, conseguiram uma parceria que possibilitou uma venda limitada de 1000 cds, que foram esgotados dentro de uma semana. Com esse resultado, surgiram contratos para shows e a banda foi se expandindo pelo estado. E mesmo com sua divulgação limitada apenas ao Norte e Nordeste do brasil o disco ultrapassou a marca de 750 mil cópias e em outubro de 2001 foi relançado com a introdução de 3 faixas bônus: Loirinha, Rubi e Brega Fó.

A banda lançou ao todo, 12 álbuns de estúdio, 1 acústico, 5 coletâneas, 10 Álbuns ao vivo, 8 DVDs e 3 álbuns promocionais. O quarto álbum foi concluído em menos de uma semana e contou com a saída de Dinho e a entrada de Edu Luppa nos vocais. O disco foi plagiado por um grupo paraense e mesmo assim ultrapassou a marca de 900 mil cópias ao ser lançado.

O sexto foi lançado em novembro de 2004 e apresentou um dos clássicos da banda, que é, A Lua Me Traiu. O DVD gravado em  Manaus, em 2004, presta uma homenagem a Gilberto Barros, o apresentador que tinha o programa Sabadaço na Band, e que foi o maior incentivador da banda na televisão aberta. O DVD se tornou o mais vendido do ano, e antes mesmo de ser lançado em todo território nacional já possuía mais de 300 mil cópias. Ao todo, vendeu mais de 1,5 milhão de cópias.

O oitavo álbum chegou em 2005, no ano em que a banda iniciou sua primeira turnê internacional, passou por EUA, Itália, Portugal e Suécia, e se apresentou pela primeira vez no Domingão do Faustão na Rede Globo. Esse foi o disco mais vendido da banda com um total de 1.850.000 e foi indicado ao Grammy Latino, concorrendo na categoria, Melhor álbum de música regional ou de raízes brasileiras. Quem levou o prêmio foi Elba Ramalho.

A banda seguiu sua trilha de sucesso até 2015 quando foi anunciado o começo do fim. Primeiro, em agosto, o fim do casamento de Joelma e Chimbinha, e alguns meses depois, o fim da banda. A parceria durou até o fim de dezembro daquele ano, mas a separação do casal resultou em alguns atritos que prejudicaram a banda. Nem Joelma e nem Chimbinha souberam lidar com a situação e lavaram roupa suja em público. No dia 1 de janeiro de 2016 ela seguiu em carreira solo e Chimbinha mudou a grafia do seu nome, agora com X, para se ajustar a nova formação da banda que passou a se chamar XCalypso.

Curiosidades.
A Banda gravou a música Acelerou em inglês que ficou intitulada Accelerated My Heart.
Em maio de 2011 foi lançado o álbum Meu Encanto com a música Entre Tapas e Beijos, regravação de Leandro & Leonardo, que abriu a série Tapas & Beijos, da Rede Globo.
Em 2015 Joelma e Chimbinha viajaram para Miami para gravar um CD em espanhol, mas o álbum não chegou a ser lançado devido separação do casal e o fim da banda.

Por  onde  anda?
A troca de farpas entre os dois protagonistas da banda continuou meses após o fim da parceria. Joelma tratou de gravar logo novas canções e se lançar em carreira solo mantendo o padrão e o visual que a caracterizou na banda Calypso, até o nome da banda foi agregado ao seu, Joelma Calypso, mas depois abdicou e passou a usar só Joelma mesmo.
Chimbinha mudou a grafia do seu nome, passou a escrevê-lo com X, Ximbinha, e agregou a letra ao nome da banda, XCalypso, além de reformulá-la com uma nova identidade visual e musical. Na primeira versão da nova banda, Thabata Mendes assumiu o vocal, mas saiu poucas semanas depois e assim, após algumas sucessivas trocas, em meados de 2017 Ximbinha deu fim a banda e a relançou apenas como Banda X. 

Assista o vídeo aqui.

Banda Calypso - Video

A banda de gravadora independente de maior sucesso do Brasil.
Banda independente, ou cantor independente, é aquela que não tem contrato com gravadora. São as gravadoras que fazem a divulgação do artista, que agendam shows e promovem as suas participações em programas de tv, além de distribuir as músicas nas rádios, por exemplo.

quarta-feira, 6 de junho de 2018

Xuxa Park no Túnel do Tempo.

O mês de junho está marcado por três das principais estreias de Xuxa na TV.
Em junho de 1983 ela estreou como apresentadora do Clube da Criança na TV Manchete.
Em junho de 1986 ela estreou aquele que foi o seu melhor programa, o Xou da Xuxa na Rede Globo.
E em junho de 1994 ela estreou outro grande sucesso, o semanal Xuxa Park, na Rede Globo também.

sexta-feira, 1 de junho de 2018

Xuxa, Mara e Angélica dos anos 80.

Sempre há o que falar dessas três musas dos anos 80 e 90.
Elas não foram as únicas apresentadoras de programas infantis, e tão pouco todas as três se dedicaram exclusivamente para crianças, mas tiveram uma grande relevância para as emissoras em que atuaram respectivamente, Globo, SBT e Manchete.

Neste vídeo eu fiz uma explanação dos feitos mais importantes de cada uma delas desde o ano 1980, sem deixar de comentar um pouco do que fizeram antes até chegar nessa data. 

Você pode se surpreender.

segunda-feira, 28 de maio de 2018

Não guarde todos os ovos da galinha na mesma cesta.

Certamente você já ouviu essa frase, mas já parou para analisar a sua profundidade?
E já pensou que o que se passa no Brasil neste momento é algo similar?

Não guardar os ovos da galinha na mesma cesta é uma metáfora para que tomemos cuidado com nossos investimentos, que não seja tudo em uma mesma coisa, pois, no primeiro modelo se a cesta cair, todos os ovos se quebrarão. Ou seja, o nosso único investimento não pode falhar, ou perderemos tudo.

Nas minhas idas e vindas de carona no Blá Blá Car, entre as tantas conversar que tive uma delas foi sobre o mau aproveitamento dos recursos que temos no país. Provavelmente teriamos menos despesas com manutenção de estradas, além de desafogá-las se o transporte de cargas fosse feito por trens, mais trens do que temos hoje em dia.

Estou vivendo em Barcelona, uma cidade menor, bem menor, em termos geográficos do que Curitiba, onde eu vivia antes de vir para cá, mas que tem praticamente o mesmo número de habitantes, fora os inúmeros turistas que transitam por aqui, e uma extensa rede de metrô e trens de transporte público com o mesmo valor cobrado do usuário na capital do Paraná. E, detalhe, com a possibilidade de fazer conexões entre metrôs e ônibus, facilmente.

Além disso, a população conta com bicicletas públicas, que são locadas facilmente e por um custo baixo. No mesmo modelo existem motos, elétricas, e carros que o usuário pode pegar em um lugar e deixar em outro qualquer.

Já é hora de contarmos com mais opções para abastecimento além da gasolina, com mais opções de transportes coletivos e de cargas. Já é hora de pensarmos como gente grande, de país grande, de governantes que pensem como nação e não apenas no próprio umbigo e que façam obras para a posteridade, não apenas recapes em asfaltos de vias que são mais vistas apenas para tentar uma reeleição.

quinta-feira, 24 de maio de 2018

Tokusatsus.

Aqueles heróis japoneses que chegaram no Brasil na década de 1980, não, espera, foi antes ainda.
Pedi para um entendido no assunto explicar um pouco sobre essas séries que encantaram gerações e continuam forte ainda nos dias de hoje.

quarta-feira, 23 de maio de 2018

Qual é o seu Pablo predileto?

Pablo é um ícone da tv brasileira. Foi um dublador do programa Qual é a Música? com Silvio Santos no SBT.
Assista.

sexta-feira, 18 de maio de 2018

Evita Perón.


María Eva Duarte de Perón, conhecida como Evita, nasceu na província, entenda estado, de Buenos Aires, no dia 7 de Maio de 1919.

Existem dúvidas sobre o seu local de nascimento, pois no registro de nascimento consta a cidade de Junín, mas indícios apontam uma estância, sessenta quilômetros ao sul de Junín, próximo ao povoado de Los Toldos (no município de General Viamonte).

Sua infância foi pobre. A mãe, Juana Ibarguren, era uma costureira obsessiva com limpeza, extremamente organizada e amante do estancieiro Juan Duarte, que tinha outra família, legítima, em Chivilcoy, com outros 6 filhos. Ele era proprietário de terras e comprou a bela Juana Ibarguren em troca de um jumento e uma carroça.

Ele faleceu em um acidente de automóvel e Juana esteve com seus filhos em seu velório para dar-lhe um último beijo, mas foram expulsos do local. Não saíram sem antes conseguir o que tinham ido fazer, mas depois ela se mudou com os filhos para fugir das humilhações da condição de amante. Juan havia registrado todos os filhos com Juana, curiosamente Eva, não. Muitos historiadores relacionam este fato, tido como uma frustração para Evita, aos condicionantes psicológicos que a levariam a buscar afirmação e sucesso na vida.

Eva sonhava em ser artista, uma estrela do teatro e do cinema. Ela tinha verdadeira paixão pela atriz norte-americana Norma Shearer. Assistia dezenas de vezes os filmes no cineminha de Junin e jurava para si mesma que ainda teria uma casa com telefones brancos e lençóis de cetim, como Norma nos filmes. E assim, mudou-se para Buenos Aires para tentar a carreira de atriz.

Aos 15 anos, em um dia 2 de janeiro de 1935, acompanhada do cantor de tangos Agustín Magaldi, ela partiu para a capital, Buenos Aires. Apelidada de "Paris da América do Sul", a cidade fora arruinada pela crise mundial de 1929-30 e dependia das exportações de carne e de trigo, Eva foi morar com Juancito, seu irmão que servia o exército, pálida e morena, batia incansavelmente às portas dos teatros sem muita coisa a oferecer. Sem real talento artístico nem extraordinária beleza, ela era ignorante, arredia. Às humilhações vividas, somaram-se outras.

Em 1937 depois de se submeter aos caprichos de alguns canastrões da indústria cinematográfica, estreou no cinema, no filme Segundos Afuera onde pode mostrar sua falta de talento, e em seguida, foi contratada para fazer radionovelas.

Em 1944 conheceu Juan Domingo Perón, então vice-presidente da Argentina e ministro do Trabalho e da Guerra, que coincidentemente tinha o mesmo nome de seu pai. Ele foi preso no ano seguinte por militares descontentes com sua política, voltada para a obtenção de benefícios para os trabalhadores e Evita organizou comícios populares que forçaram as autoridades a libertá-lo e pouco depois se casaram. Perón foi eleito presidente em 1946.

Famosa por sua elegância e seu carisma, conquistou para o peronismo o apoio da população pobre, na maioria migrantes de origem rural a quem ela chamava de "descamisados".

Eva foi, possivelmente, uma personalidade dividida. De um lado, repleto de altruísmo e generosidade, há a moça simples, ‘revoltada com a injustiça’, e de outro, a mulher seduzida pelo poder.

Entre a total obscuridade na vida de Evita, ao mais absoluto resplendor pessoal e político, seguida da morte, tudo ocorreu em apenas 7 anos.
Nesse curto período ela saiu do anonimato para se tornar uma das mulheres mais importantes e poderosas do mundo.
Morreu aos 33 anos de idade.

Às 20h e 25min de 26 de julho de 1952, morre aos 33 anos, de câncer de útero. Embalsamado, seu corpo ficou exposto à visitação pública até que, durante o golpe de Estado que derrubou Perón em 1955, seu cadáver foi roubado e enterrado no Cemitério Monumental de Milão, Itália. Dezesseis anos mais tarde, em 1971, o corpo foi exumado e transladado para a Espanha. Ali foi entregue ao ex-presidente Perón, que vivia exilado em Madri. O médico argentino que embalsamou Evita revelou que fora um trabalho perfeito, uma vez que, Evita parecia "uma boneca" devido a sua baixa estatura, pele alva e vestido de cetim branco. Após a vinda do esquife da Espanha numa caixa de vidro...Evita parecia adormecida.

Perón voltou à Argentina em 1973 e foi reeleito presidente, tendo a terceira mulher, Isabelita Perón, como vice. Após sua morte, em 1974, Isabelita Perón trouxe o corpo de Evita para a Argentina onde foi exposto novamente por um breve período. Foi então enterrada novamente no mausoléu da família Duarte no cemitério da Recoleta, na cidade de Buenos Aires.

Curiosidades.
O escritor argentino Tomás Eloy Martínez, autor de Santa Evita (1995) garante que a frase "Voltarei e serei milhões", atribuída a Evita e inscrita em bronze em seu túmulo, nunca foi pronunciada.

Evita nunca foi esquerdista e sempre refutou esse título, mas o voto feminino, por exemplo, que era uma reivindicação histórica das mulheres comunistas argentinas, foi implantado por Evita. No entanto, não foi bem aceito, porque foi entendido como um golpe de Evita.

Em 2006, o diretor britânico Alan Parker dirigiu o filme Evita, um musical que contou com a atuação Antonio Banderas e Madonna no papel de Eva Perón.
Madonna enviou aos produtores o clipe da música Take a Bow para convence-los a lhe darem o papel. Mas, na época das gravações houve protestos contra a sua atuação por considarem a cantora indigna de representar Evita, já que a veneram como uma santa.

A música Dont Cry For Me Argentina foi rescrita por Andrew Webber em 1976 e entrou para o álbum do longa de 1996 na voz de Madonna. A canção já foi gravada e interpretada várias outras vezes como por Olívia Newton John, Donna Summer, Sinéad O´Connor, Sarah Brightman, Andréa Bocelli, Nicole Scherzinger e Vanusa, entre outros.

Apesar de Vanusa ter gravado em inglês, a música teve também uma versão em português que foi gravada por Claudia,

Em 25 de julho de 2012 o governo argentino modificou a cédula de cem Pesos Argentinos e substituiu a efígie do ex-presidente Julio Argentino Roca, responsável por atos de genocídio contra povos indígenas, pela efígie de Eva Perón.

Assista o vídeo aqui.

Eva Perón - Uma das mulheres mais importantes do mundo.

Em sete anos ela foi da obscuridade a morte, com uma bem sucedida passagem pelo estrelato.