ARQUIVO.

sexta-feira, 10 de março de 2017

Princesa Diana.

Diana Frances Spencer nasceu na Inglaterra no dia 1 de julho de 1961.
Foi a terceira de quatro filhos do Conde John Spencer e de Frances Shand Kydd. Como toda princesa, teve seu tempo ocupado com estudos e atividades, aprimorando-se na música, balé e também em saltos ornamentais, tênis e natação.
Depois de um tempo fora, quando retornou à Inglaterra em 1978, aos dezessete anos, ela ganhou de seus pais um apartamento na cidade de Londres, para onde se mudou e, em setembro do mesmo ano, matriculou-se em um curso de culinária francesa.
Embora fosse filha de nobres, ela trabalhou como uma mulher normal. Entrou para uma associação para mulheres da alta sociedade e se inscreveu em duas agências de emprego.
Fez tarefas domésticas como faxineira e babá antes de se tornar professora do jardim de infância.

Conheceu o príncipe Charles em novembro de 1978, quando, com sua irmã Sarah, foi para o seu aniversário de trinta anos a convite do próprio.
Recebeu outro convite em janeiro de 1979, dessa vez feito pela rainha para uma semana de caça. E em julho do mesmo ano, Diana e sua irmã Jane foram convidadas pela rainha , novamente, para o Castelo de Balmoral, na Escócia.
Diana e Charles começaram a estreitar os laços e as suas constantes aparições começaram a atrair a atenção da imprensa, a partir de então ela começou a ser seguida por paparazzis.
O Palácio de Buckingham anunciou o noivado no dia 24 de fevereiro de 1981.
Os problemas do casal começaram antes do casamento, pois Charles já tinha uma aproximação suspeita com Camila e Diana foi vista chorando em público algumas vezes.
O maior casamento do século XX ocorreu na Catedral de São Paulo em Londres, numa quarta-feira, no dia 29 de julho de 1981, e Camila estava presente.
Diana foi elevada a terceira mulher mais importante da monarquia britânica, somente atrás da rainha Elisabeth II e da rainha mãe, mas chamava mais atenção do que qualquer monarca.
A princesa foi a mulher mais fotografada do mundo. Um ícone que não será superado.
O casamento começou a ruir em pouco tempo. Parte disso se deve as formalidades típicas da vida dos monarcas, parte pelo afastamento de Charles, principalmente depois que os dois filhos nasceram. Ele vivia constantemente em viagens e compromissos com amigos, nas quais Camila estava quase sempre presente.
Diana e Charles se separaram em 9 de dezembro de 1992. O divórcio foi finalizado em 28 de agosto de 1996.
Diana foi mantida como princesa britânica e membro da família real britânica já que era mãe. E teve preservado o título de Princesa de Gales.

No dia 31 de agosto de 1997, Diana jantou em Paris, na França, com Dodi Al-Fayed, um milionário com quem estava namorando. Na sequência, sofreu um grave acidente automobilístico no túnel da Ponte de l'Alma, que resultou em sua morte, quando era perseguida por sete paparazzis.
Muitas teorias foram levantadas a respeito do acidente, algumas provas apareceram no livro The Murder Of Princes Diana, que virou um filme em 2007.
Charles e Camila Parker se casaram em 2005. Em 2015 houve rumores de que o casamento estava em crise devido a um suposto envolvimento de Camilla com um artista de tv.

Diana usou sua imagem e influência para apoiar projetos de caridade. Fez campanhas contra minas terrestres, o que lhe rendeu o prêmio Nobel da Paz. E, ainda, fez campanha de combate à AIDS.
Logo após a sua morte, foi criado o Fundo Memorial de Diana, Princesa de Gales, que tem como objetivo arrecadar dinheiro para dar continuidade ao trabalho humanitário desenvolvido por ela dentro e fora do Reino Unido.
Em tributo a princesa, Michael Jackson selecionou a canção Gone Too Soon em uma compilação intitulada "Diana Princess of Wales". Elton John compôs a música "Candle in the Wind". Uma adaptação de uma canção feita em homenagem a Marilyn Monroe (Goodbye Norma Jean). Ambos eram amigos de Diana.
Elton John cantou a canção uma única vez, no funeral, e recebeu o título de Cavaleiro, da rainha, por ter prestado apoio sentimental á família.

Além do filme The murder of the princes Diana, um filme foi produzido para a tv intitulado "Diana a princesa do povo" poucos meses após o acidente, em 1998, mas que não passou de um recorte de reproduções de cenas protagonizadas pela princesa em vida.  Em 2013 chegou nos cinemas o filme “Diana” que mostra uma mulher mais humana e ousada, diferente daquela princesa frágil que costumávamos ver na tv.

Para assistir esse conteúdo clique aqui.

Elton John - Good England Rose.


Michael Jackson - Gone To Soon.

Nenhum comentário: