ARQUIVO.

quarta-feira, 15 de março de 2017

Kong - A Ilha da Caveira.

Na quinta-feira (16/3/17) estreia o novo filme de King Kong, intitulado Kong - A Ilha da Caveira.
O macacão foi criado em 1933 e se consagrou como um dos maiores monstros do cinema . Já apareceu em diversas produções desde o seu nascimento como a versão de 1976 e a mais recente, de 2005, de Peter Jackson, com Jack Black e Naomi Watts no elenco.
Desta fez o filme começa com uma história do zero, que pouco tem a ver com as aparições anteriores do King Kong, mas o questionamento sobre seu comportamento continua o mesmo. Ele é um monstro?
A história se passa nos anos 70, logo após os Estados Unidos abandonarem a Guerra do Vietnã. Parte dos militares do confronto é deslocada para uma expedição misteriosa na Ilha da Caveira, onde encontram uma série de criaturas monstruosas.


Tom Hiddleston (o Loki da franquia ‘Vingadores) vive o mercenário James Conrad, contratado para servir de guia na expedição. Brie Larson, vencedora do Oscar de melhor atriz no ano passado por ‘O Quarto de Jack’, faz a fotojornalista pacifista Mason Weaver, que se mostrará fundamental na missão. Samuel L. Jackson faz o militar Preston Packard, que ainda está inconformado com o desfecho da Guerra do Vietnã e vê no encontro com Kong uma forma de recuperar seu orgulho e John Goodman é o veterano Bill Randa, idelizador da viagem e cheio de segredos.


A grande novidade do longa é ter sido concebido como um fime de Guerra, com referências clássicas a ‘Apocalypse Now’ e ‘Platoon’, por exemplo. Quem conhece o gênero vai notar as semelhanças.
Ao acabar o filme não saia da sala, pois há uma cena extra após os créditos. Aliás, ela deixa clara a intenção de transformar esta nova aventura em uma franquia, com a aparição sugerida de outro monstro clássico do cinema.

Nenhum comentário: