ARQUIVO.

quinta-feira, 16 de março de 2017

Ex Mister Universo, Lucas Kubitschek, faz protesto nu, usando peles e sangue verdadeiros.

Em 2013 Lucas Kubitschek perdeu o título de Mister Universo Brasil porque teve uma foto em que deixava aparecer mais do deveria. Agora o rapaz fez um protesto ecológico em uma rua da Vila Olímpia em São Paulo.
O modelo cobriu partes do corpo com pele de animais e sangue, que segundo ele era tudo de verdade. O sangue foi comprado em uma loja que comercializa a substância e não está contaminado e as peles pertencem a Franz Ambrósio que é dono do brechó “Minha avó tinha”, em São Paulo.

Questionado sobre o que achou de ter usado peles de coelho e de vison – um animal que lembra um esquilo-, Lucas reconheceu que foi uma situação desconfortável e que ficou constrangido, teve dúvida se faria, mas o objetivo era chocar e mostrar com as peles naturais, que não se deve matar os animais.

Franz adquiriu as peles há 20 anos e, segundo ele, são usadas para produções cinematográficas. Ele disse que nos anos 40 era moda usar essas peles e é importante mantê-las porque são alugadas para filmes e minisséries. Para filmagens, essas peles precisam ser naturais, para dar um efeito verídico em cena. Quando questionado sobre o que acha de comercializar, ele pergunta: ‘Você já se questionou de onde vem o couro do seu sapato? Da pele do boi morto’. É a mesma coisa. Por uma questão de sobrevivência se matava os animais para aplacar o frio. Com o tempo foi que essas peles viraram moda e símbolo de luxo. Não podemos ser xiitas.”





Nenhum comentário: