ARQUIVO.

segunda-feira, 13 de março de 2017

Amigos, ainda que por poucos minutos, ou horas.

E não é que a internet tem aproximado mais as pessoas do que isolado, como previam os profetas dos anos 90 e início dos anos 2000!
Lembro quando havia uma preocupação de que as pessoas ficassem muito reclusas e vivessem uma vida virtual com o advento da internet, mas o fato é que a rede internacional de computadores tem sido uma ótima ferramenta para a aproximação.
Talvez não haja muito profundidade nos relacionamentos, mas as redes sociais propiciam mais relacionamentos do que na época em que a internet não existia. Caíram-se as barreiras, a internet nos deixou nus e assim, tão expostos, somos mais objetivos. Tem sido assim com os aplicativos de namoros e sites de bate papo. E algo parecido com os serviços de compartilhamento de carros e casas. Tenho vivido boas experiências com o aplicativo do Uber e agora com o site Blá Blá Car.
Bem, somos avaliados o tempo todo, talvez isso estimule um esforço maior para ser legal, ou ao menos parecer legal, com a outra pessoa que cede seu carro, ou casa. E estamos vulneráveis a ser julgados previamente e reprovados sem oportunidade de defesa, mas na soma dos pontos, o saldo é positivo.
Também, não é uma simples cortesia, os serviços de carona, principalmente, funcionam como negócio, mas em tempos de priorizar atendimento os compartilhamentos tem superado a relação vendedor e cliente.
Que isso se reflita em todos as áreas da sociedade.

Nenhum comentário: